Em Belém teve inicio na terça feira (12/8) e seguiu e até sexta feira (15/) a pauta do mutirão da 1ª quinzena estadual de júris que foi determinado pelo CNJ. No âmbito estadual o TJPE dividiu a quinzena em dois mutirões semanais. Após Belém foi à vez da comarca de Floresta que teve inicio na segunda (19) e prosseguiu até sexta feira (22/8). Ao todo foram julgados nove réus nas duas comarcas ao passo que no estado cerca foram cerca de 400 processos.

Com a medida busca o CNJ dá uma satisfação à sociedade já que pelo país afora há milhares de processos desta natureza sem julgamento, o que muita vezes leva ao reconhecimento das suas prescrições punitivas. Para se ter uma ideia somente na Comarca de Belém do São Francisco existem cerca de 100 processos nestas condições, em Floresta calcula-se outros 150, situação  que segundo desembargador Alexandre Assunção do TJPE “gera reflexo na segurança pública de maneira geral, pois a pena do júri tem dupla função: punir os criminosos e prevenir novos crimes”.

BELÉM

Em Belém do São Francisco os réus submetidos a julgamento são todos moradores da cidade de Itacuruba, sendo que o primeiro júri aconteceu com relação aos acusados Gerlis Adriano da Silva, que foi defendido pelo defensor público Pedro Tavares e Cássio Honório dos Santos, que foi defendido pelo advogado Tadeu Sá. Com o resultado do julgamento o primeiro acusado foi condenado a 17 anos de prisão, ao passo que Cássio foi absolvido, pois entendeu os senhores jurados que não havia provas no sentido de condená-lo.

Na quarta foi à vez de ser julgado o acusado Genival Barros, também defendido pelo advogado Tadeu Sá, sendo que o Conselho de Sentença acatou a tese única formulada tanto pela acusação como pela defesa e desclassificou o crime para disparo de arma de fogo em via pública, mas como o crime aconteceu há treze anos a Magistrada Elane Brandão reconheceu a prescrição da pretensão punitiva e com isso o réu se viu livre da acusação de tentativa de homicídio qualificado.

Na quinta feira (14) foi vez do popular conhecido por Jailsom João dos Santos, cuja defesa ficou sob-responsabilidade da advogada Camila Baia Lustosa. Nos debates posicionou-se o ministério público pela condenação por homicídio privilegiado por motivo de relevante valor social, com a qualificadora do recurso que dificultou a defesa da vítima e excluindo-se a do motivo torpe. A defesa argumentou a tese da desclassificação para lesões corporais, mas no final o conselho de sentença embora reconhecendo que existia prova de que o réu praticou a conduta a ele atribuída preferiu absolvê-lo.

Na sexta-feira foi à vez de ser julgado José Adjacir Pereira, cuja defesa foi também patrocinada pela advogada Camila Bahia Lustosa, sendo o acusado absolvido já que os jurados acataram a tese da defensiva de legítima defesa putativa. Em todos os julgamentos havidos funcionou como promotor de justiça Dr. Fernando Portela

FLORESTA.

Em Floresta os julgamentos iniciaram-se na segunda (18), sendo a que pessoa julgada tratava-se do popular Gentil Ferreira da Silva, que foi defendido pelo advogado Francisco Vital, mas que no final foi condenado a pena de 24 anos de prisão.

O segundo julgamento, já na terça foi do acusado Lucas Mariano, também defendido pelo Bel. Francisco Vital de Sá. Neste julgamento o conselho de sentença acolheu a tese do defensor, que foi de legítima defesa putativa e com isso absolveu o acusado.

Na quarta feira  foi a vez dos julgamentos dos populares Gival Livino da Silva e Oséas Livino da Silva, sendo que funcionou na defesa os advogados Francisco Aracildo Alves Feitosa, Gilson de Araújo Alves, e Denny Jonathan Meneses de Lima. Com o julgamento entendeu os jurados por absolver os acusados acolhendo assim a tese defensiva de ausência de provas.

Na quinta-feira (21) foi à vez do popular Genilson Torres de Siqueira que teve como defensor o Bel. Tadeu Sá. Na ocasião os jurados reconheceram inexistir prova para a condenação e com isso absolveu o acusado

No último dia, já na sexta feira deu-se o julgamento do acusado Rômulo Barbosa Martins, que teve como advogados os doutores Wagner Veloso Martins e. Soraia de Fátima Veloso Martins. No julgamento o MP foi representado pela doutora Evânia Pereira que pugnou pela absolvição sob a alegação de cerceamento de defesa, legítima defesa putativa e ausência de materialidade, o que foi corroborado pela defesa, sendo o acusado absolvido.

Escrito por Tadeu Sá.

Foto: Jornal Gazzeta do Sertão.

A Câmara de Vereadores de Belém do São Francisco reuniu-se na noite de sexta feita (22), para fazer às entregas dos vários títulos de cidadãos que foram concedidos pela casa as diversas personalidades que uma de forma ou outra entendem os vereadores que fizeram ou fazem parte do cotidiano e da vida social do município prestando relevantes serviços a terra.

Nesta nova remessa, no que diz respeito aos homenageados, constam como novos belemitas o Cabo PMPE Alexandre Moura de Albuquerque, o Desembargador Antonio Carlos Alves da Silva, os deputados estaduais Augusto Cesar e Rodrigo Novaes e o ex-delegado de policia do município, Roberto de Sá Campos. Por questões de trabalho o Desembargador Antonio Carlos não pode comparecer para receber a outroga.

No que tange aos vereadores autores das concessões a homenagem ao Cabo Moura partiu do presidente da câmara, vereadores, Antonio Temístocles, a do desembargador Antonio Carlos da silva, através do vereador José Neto, o deputado Augusto Cesar através dos vereadores Acácio Murilo, deputado Rodrigo Novaes através dos vereadores Valdir Moreno e Vavá do Bode e a do delegado Roberto Campos também através do presidente Antonio de Eurípedes..

Dentre os autores das concessões e homenageados a que mais chamava atenção era a entrega da homenagem ao deputado Rodrigo Novaes, já que um dos proponentes da medida trata-se do vereador Vavá do Bode. Na ocasião Vavá era aliado do deputado, mas que posteriormente rompeu, rompimento inclusive marcado com troca de farpas.  O discurso de Vavá era aguardado com bastante expectativa, mas o vereador não compareceu ao evento.

Escrito por Tadeu Sá.

Foto: Jornal Gazzeta do Sertão.

imagem

Contando com a presença de grande parte dos moradores do local, o prefeito Gustavo Caribé inaugurou na semana passada, dia 21, a quadra poliesportiva da Vila do Inocoop. A obra ao contrario do Pátio de Feira, da Orla, da Unidade Básica de Saúde do Bairro Bom Jesus e da própria quadra da Escola Tia Zita que se arrastam há vários anos, foi construída em tempo recorde e com isso muito mais cedo podem os jovens do lugar desfrutar de um local destinado exclusivamente a prática saudável do esporte e a eventos sociais.

Na ocasião o prefeito se fazia acompanhar da primeira dama e secretária municipal de Ação Social, Laissa Caribé, do vice-prefeito Cristiano Marcula, dos vereadores José Neto, Aurora Guedes, Dr. Batista e Antônio de Eurípedes, além de alguns secretários municipais.

Ao fazer a entrega da obra o prefeito Caribé fez questão de lembrar que Pernambuco, o Brasil e em especial, Belém do São Francisco ainda estava em estado de tristeza ante a perda irreparável e precoce do ex-governador Eduardo Campos: “O Brasil, Pernambuco e Belém ficaram órfãos de um estadista, um homem de ação, um grande político, e eu, perdi um grande amigo, que Deus reserve na glória um bom lugar para o nosso eterno governador”, disse o prefeito numa alusão clara ao fato da obra ter sido financiada pelo então governador.

Após a inauguração e como forma de marcar definitivamente a entrega da quadra houve na ocasião uma partida de futebol de salão, sendo que o pontapé inicial do jogo foi dado pelo prefeito.

Escrito por Tadeu Sá.

imagem

Pesquisa Ibope encomendada Rede Globo mostra que se o primeiro turno da eleição presidencial fosse realizada hoje, terça-feira (26), a presidente Dilma Rousseff (PT) teria 34% das intenções de voto ante 29% de Marina, diferença fora da margem de erro máxima de 2 pontos porcentuais para cima ou para baixo. O candidato do PSDB, Aécio Neves, soma 19%. Pastor Everaldo (PSC) e Luciana Genro (PSOL) têm 1% das intenções e os outros candidatos juntos somam 1%, brancos e nulos são 7% e indecisos, 8%.

No levantamento anterior do Ibope, feito entre 3 e 7 de agosto, quando o cenário considerava Eduardo Campos como candidato do PSB, Dilma tinha 38% das intenções de voto, Aécio, 23% e Campos, 9%. Brancos e nulos somavam 13% e indecisos 11%. Na primeira pesquisa ao incluir Marina Silva como candidata, feita pelo Datafolha entre 14 e 15 de agosto, a ex-senadora aparecia com 21%, empatada tecnicamente com Aécio, com 20%. Dilma tinha 36% das intenções de voto. Brancos e nulos eram 8% e indecisos 9%. A pesquisa foi registrada na Justiça eleitoral com o número BR-428/2014.

SEGUNDO TURNO

Num eventual segundo turno o Ibope também quis saber como seria as intenções de votos dos eleitores, sendo que a pesquisa apontou que a nova candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, venceria a presidente Dilma Rousseff (PT). Nesse cenário, Marina tem 45% das intenções de voto contra 36% da petista. Brancos e nulos são 9% e indecisos, 11%.

Escrito por Tadeu Sá.

imagem

O mesmo instituto divulgou também no principio da noite de hoje, terça-feira (26) que Armando Monteiro (PTB) lidera o processo sucessório no estado com 38% das intenções de voto para o governo de Pernambuco, seguido de Paulo Câmara (PSB), com 29%. Os candidatos Jair Pedro (PSTU), Miguel Anacleto (PCB), Pantaleão (PCO) e Zé Gomes (PSOL) aparecem com 1% cada, brancos e nulos: 13% e Indecisos: 16 %. No levantamento anterior realizado pelo mesmo instituto, em julho, Armando Monteiro aparecia com 43% e Paulo Câmara, com 11%.

A pesquisa igualmente ao pleito presidencial foi realizada entre os dias 23 e 25 de agosto. Foram entrevistados 1.512 eleitores em 69 municípios do estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, o que significa dizer que Paulo Câmara está a dois pontos do segundo turno, levando-se em consideração a margem de erro.

SENADO

O instituto também indagou sobre a eleição para o senado, sendo que desta verificou-se que o candidato João Paulo (PT) tem 35% das intenções de voto, seguido do petrolinense Fernando Bezerra Coelho (PSB) com 22%. Simone Fontana (PSTU) tem 2%; Albanise Pires (PSOL) e Oxis (PCB) aparecem cada um com 1%. Os indecisos somam 24% e os que declaram que vão votar em branco ou nulo corresponde a 15%.

Nesta pesquisa foram entrevistados 1.512  eleitores em 69 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa igualmente as demais está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE – PE) sob o número 00019/2014 e no Tribunal Superior Eleitora  (TSE) sob o número BR00424/2014.

Escrito por Tadeu Sá.

O fato não é de hoje, inclusive já foi assunto deste Blog, mas a verdade é que a prefeitura de Belém do São Francisco faz vistas grossas para o problema do lixo que é jogado em tudo quanto é lugar e não adota qualquer iniciativa no sentido de resolver a questão, e com isso à cidade continua emporcalhada e mais feia ainda. Em alguns locais os lixos estão sendo colocados nos passeios públicos das praças, como é o caso da Avenida Antonio Teodósio. Um triste exemplo para um dos locais de maior movimento nos finais de semana.

A situação é vista e criticada por todos, mas infelizmente apenas a prefeitura não percebe a gravidade, e com isso muitos seguem agindo da forma que se ver, nada é feito, ao passo que em outros cidades o simples arremesso na rua de uma ponta de cigarro é motivo suficiente para a aplicação de multa.

No caso de Belém a prefeitura deveria igualmente instituir a medida, agora é necessário que antes faça uma campanha publicitária educativa de esclarecimento e de advertência à população sobre não colocar o lixo nas praças e ruas, mas que antes também sejam colocados depósitos para que a população possa depositar o lixo que produzem e que periodicamente passe um carro coletor. Enquanto isto não é feito seria bom tomar como exemplo o caso de outras cidades, inclusive aqui de perto. É preciso que se entenda que lixo é doença.

Inconformado com os sucessivos assaltos que vem acontecendo em algumas estradas do município, um leitor que se identifica como sendo Emissael Alves de Barros, faz veemente apelo através do Blog do Tadeu Sá no sentido de que sejam adotados providencias para por fim aos constantes assaltos que infelizmente vem acontecendo no nosso município.

Na nota enviada ao Blog o referido cidadão diz: “Com esforços dos políticos do município estamos vendo as reformas das pontes citadas como “Pontes das Mortes”, realização que irá resolver parte dos problemas desta região e que demonstra o compromisso político dos nossos representantes”.

Atualmente, o nosso maior problema são os constantes assaltos que vêm ocorrendo na mesma BR, onde os transeuntes que viajam e passam por este município são assaltados, humilhados e seus veículos são arrebatados à força pelos criminosos, deixando a imagem de um município sem lei e sem misericórdia”, diz o leitor.

Prosseguindo diz a nota: “Precisamos através dos veículos de comunicação e da intervenção das autoridades políticas, policiais e judiciais por fim a esta situação alarmante que assombra o município e os belemitas”.

A sociedade deve movimentar-se a procura de solução para este conflito que acontece entre criminosos e povo, antes que seja tarde demais e pessoas trabalhadoras honestas sejam vítimas fatais deste descaso” afirma o queixoso.

Ao finalizar, Emissael diz ainda: “Peço encarecidamente que através do seu blog e outros meios necessários, leve este fato ao conhecimento das autoridades responsáveis pela segurança pública, buscando soluções para por fim a esta onda de assaltos que diariamente está acontecendo nas rodovias deste município”.

Atenciosamente,
Emissael Alves de Barros.

Leitor.

Nota do Blog.

Diante do fato o Blog do Tadeu Sá se compromete a enviar a Policia Civil, Polícia Militar, Ministério Público e Poder Judiciário cópias do e-mail enviado a nossa redação.

Escrito por Tadeu Sá.

imagem

O Blog do Carlos Brito postou matéria no seu conceituado informativo dando conta de que o Instituto Federal de Floresta se recusa a cumprir Edital. A matéria tem como fonte a pessoa de Gustavo Gonçalves, que se apresenta como Diretor Comercial – Vocare de uma empresa com sede no estado de Santa Catarina.

A matéria é datada de 24 do corrente mês, e diz: “Em artigo enviado ao Blog o diretor comercial Gustavo Gonçalves, da empresa Vocare Centro Teleatendimento, de Santa Catarina, queixa-se contra o Instituto Federal de Educação/Campus Floresta. Segundo ele, o Instituto não estaria honrando com os compromissos de pagar pelos produtos dos quais a empresa participou de um pregão eletrônico para ser a fornecedora. A justificativa seria de que esses produtos estariam superfaturados”. Ele nega.

“Participei do Pregão Eletrônico 04/2013, do qual minha empresa se consagrou vencedora de alguns itens daquele edital. Em setembro assinei ata de Registro de Preço, para 12 meses. Em setembro mesmo chegou empenho do Instituto solicitando alguns dos itens ganhos por minha empresa”.

“Me prontifiquei de imediato a entregar os produtos, da minha parte entreguei no tempo do edital. Acredito que com menos de 30 dias os mesmos chegaram ao destino. Após ter entregue os materiais, depois de 90 dias recebi um telefonema da senhora Polyana, dizendo que não iria efetuar o pagamento da Nfe 043, pois o preço da sombrinha estava ´´superfaturado”.

“Isso eu não admiti, pois participei do Pregão Eletrônico com mais empresas no Pregão, e me consagrei vencedor depois de uma batalha de lances consecutivos e sempre abaixo do valor estimado por eles mesmos (como consta no edital”.

“Ela solicitou que eu encaminhasse outra Nfe, sem as sombrinhas. Recusei também, e ela, depois de alguns meses, me disse que devolveria todo o material, não honrando o compromisso de aceitar os produtos do empenho”.

“Ela chegou até a enviar os produtos pelos Correios. Quando os produtos chegaram até a minha empresa, não assinei a entrega e mandei de volta. Acontece que até a presente data, depois de a ata ter vencido, eles não pagaram nenhum centavo para a minha empresa, se o compromisso do empenho é para o fornecedor entregar os materiais, e de total responsabilidade do Instituto executar o fiel pagamento do mesmo, concorda?”

“Sei que o valor pode ser baixo, mais é o bastante para cumprir com minhas obrigações de cidadão, que tenho o dever de pagar impostos, salários, etc. Me coloco ao total dispor, o meu muito obrigado”. (Fonte: Blog do Carlos Brito)

Atenciosamente

Gustavo Gonçalves – Diretor Comercial – Vocare.

Cumprindo extensa agenda de campanha com o fim de reeleger-se, o deputado e candidato a reeleição Rodrigo Novaes (PSD) realizará na próxima quarta-feira (27), na cidade Petrolina, encontro com o fim de discutir a atual campanha.

Na ocasião Novaes anuncia também que prestará contas do seu mandato parlamentar e irá debater ideias para a reeleição junto ao petrolinenses. O evento acontecerá no Jardim Buffet e Bistrô, localizado na Rua Félix Ponto, nº 16 – Centro, às 19h.

Escrito por Tadeu Sá.

imagem

Já está em pleno funcionamento a 10º Central de Comunicação Integrada das Polícias (Cicom) que beneficia 11 cidades do Sertão da Bahia, atendendo com isso os serviços 190, 193 e 197 das polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e Departamento de Polícia Técnica.

A central integrada está situada na estrutura da 18ª Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin), sob a coordenação do capitão Wellington Araújo Nery e atenderá os municípios como Paulo Afonso, Jeremoabo, Coronel João Sá, Sítio do Quinto, Pedro Alexandre, Santa Brígida, Abaré, Chorrochó, Macururé, Glória e Rodelas, o que permitira oferecer mais agilidade no atendimento as ocorrências policiais.

A solenidade de inauguração contou com as presenças do secretário estadual de Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alfredo Castro, do delegado-geral da Polícia Civil, Hélio Jorge Paixão e da coordenadora Regional, delegada Mirela Santana Matos, entre outras autoridades. (Fonte: Portal Formosa, através do PCS/Jeremoabo Agora).

Escrito por Tadeu Sá.

Desenvolvido por