Na sexta feira passada, dia 11, o presidente do PMDB de Belém do São Francisco, advogado Tadeu Sá, foi entrevistado pelo radialista Izaurino Brasil, comandante do programa Jornal da 104, Canabrava FM, oportunidade em que respondeu várias indagações sobre questionamentos diversos. A entrevista repercutiu bastante e quando da fala do advogado sucessivos e-mail chegavam à redação da emissora. Nas ruas foi o que mais se comentou

Os assuntos tratados foram o PMDB municipal e seu futuro político, as dificuldades que a prefeitura enfrenta, a conjuntura politica local e os culpados, a questão da educação, da saúde, escolas municipais em estado precário, obras inacabadas, a inércia da oposição, políticos inelegíveis e sobre a população belemita que de todos os vinte e nove municípios da região do submédio São Francisco, no trecho compreendido entre PetrolinaPetrolândia e JuazeiroPaulo Afonso, foi um dos dois únicos que segundo o IBGE teve sua população diminuída. No caso, Belém apenas conseguiu ganhar de Macururé.

Durante a entrevista o advogado também falou sobre outros temas e disse que as dificuldades de Belém são tantas que uma semana seria pouco para enumerar os problemas que a população injustamente enfrenta.

Como forma de correção, quanto ao débito do munícipio, que segundo projeções, levando em consideração o ano de 2010, cujo débito era de R$. 11.602,811,43, mas que 2011 passou para R$ 14.504,656,93, hoje calcula-se que o débito do município deva beirar a cifra de milionária de 40 milhões de reais, o que faz com que cada belemita, inclusive as crianças que nascem a cada dia tragam consigo, nas suas costas, um débito de R$ 200,00 (duzentos reais) e não (duzentos mil reais) como desapercebidamente foi dito.

No mais, Tadeu Sá ratifica e reafirma o que disse e afirmou que em breve, através de um jornal escrito, estará fazendo novas comparações e outras revelações bombásticas, pois certamente serão estes os temas que seu partido vai debater no meio da rua, junto com o quando das eleições que se aproxima. “O povo precisa saber o que acontece em Belém”, diz Tadeu Sá sem titubear.

Categoria: Sem categoria

Um comentário até agora.

  1. ricardo disse:

    o amigo esqueceu de relatar na sua entrevista que a dificuldade que nossa belem enfrenta não é de agora! isso foi gerado nos tempos que essa tão sofrida oposição governava belem, o prefeito atual não encontrou nosso municipio um “mar de rosa não”.

Deixe Seu Comentário


Desenvolvido por