No final de semana passado, nas redes sociais, a unida família Coelho de Petrolina, capitaneada pelo pai, senador Fernando Bezerra Coelho, postou cartazes que anunciavam a convenção partidária dos partidos aliados, e com este o slogan, “PERNAMBUCO VAI MUDAR E FICAR MAIS FORTE”.

Com a postagem várias críticas logo surgiram contra o apego desmedido da família Coelho por cargos eletivos. Uma cidadã belemita por exemplo, disse: “Família unida em? Vamos aprender a votar! Rapaz a família vive da política, trabalhar que é bom? Isso fica pra nós pobres mortais”.

A cidadã se refere ao fato de que no futuro pleito, um dos filhos Fernando, Fernando Filho, busca reeleger-se deputado federal, o outro, Antonio Coelho, disputará o mandato de deputado estadual. Os demais membros não podem ser candidatos pois o pai já é senador e seu mandato vai até 2022 e o outro, Miguel Coelho, ex-deputado estadual, ocupa o cargo de prefeito de Petrolina, estando pois ocupado até 2020 e que por isso não podem ou não querem ser candidatos.

O apego da família por mandatos políticos não esbarra apenas a estes. Fernando ainda emplacou seu primo legítimo, ex-prefeito Guilherme Coelho, como suplente de senador. Ele queria a vaga de vice-governador, mas não conseguiu, já que o candidato ao cargo pertence a família Ferreira, de Jaboatão, que assim como os Coelhos, também morre de paixão por cargos eletivos, já que um é deputado, o outro deixou de ser deputado federal para ser prefeito de Jaboatão, o terceiro é vereador em Recife, sendo que este vai renunciar para disputar o cargo de vice-governador e o pai que já foi diversas vezes deputado estadual, pretende voltar a concorrer ao cargo.

Agora de tudo, o que mais chama atenção no cartaz é a chamada para a convenção estadual dos candidatos, já que neste se lê a frase: “PERNAMBUCO VAI MUDAR E FICAR MAIS FORTE”.

Será verdade? Pernambuco vai mudar? Acredita-se que não, pois os dois senadores apoiados por Fernando, Mendonça Filho e Bruno Araujo, assim como o filho deste, até poucos dias eram ministros de Michel Temer e pelo que se viu e das pesquisas realizadas com relação ao governo, nada fizeram para mudar e deixar mais forte, nem o Brasil, nem Pernambuco, nem Belém. Alias, lembrando bem, Mendonça Filho foi governador de Pernambuco e pouco são aqueles que lembram disto.

Ainda assim, mudança com Coelho na disputa é pura fantasia, ilusão de gente besta. Eles estão encastelados no poder a mais de quarenta anos, e mesmo assim ainda falam em mudança. Na verdade, o povo é que deve mudar eles.

Categoria: Sem categoria

Desenvolvido por